Quem tem medo da Colômbia?

Assim como vocês, a primeira imagem que me vem à cabeça quando se fala da Colômbia é o narcotráfico e as Farcs. Não penso em García Marquez, Shakira, Botero, café, bananas ou Caribe. Penso em medo, em violência, em guerra, em Rio de Janeiro. Então imagina como foi tomar a decisão de me mudar para lá, acompanhando meu marido, que foi transferido, sair do meu emprego numa multinacional e ainda de quebra encarar essa aventura junto com nosso bebezinho de um ano e meio?

Mas ainda bem que existe o Google! E que existem blogueiros! Pois foi nas dezenas de blogs de viajantes que já foram ou que moram na Colômbia que eu pude conseguir informação suficiente para perder o medo e, acreditem, me encantar com o país e com Bogotá, a cidade na qual vou morar nos próximos anos. Confiram alguns blogs aqui, aqui e aqui. Tem também aqui, aqui, aqui, aqui e aqui. E também o site do Aquarela, uma entidade que ajuda brasileiros que moram na Colômbia.

Vou contar um pouquinho do que já descobri pesquisando e conversando com as pessoas de lá, e também no que pude perceber na minha primeira viagem para lá, no Carnaval passado. E claro, a partir de agora, vocês vão poder conhecer muito mais sobre a Colômbia aqui no Dica Bacana, ja que eu estou me mudando para lá daqui a um mês. E depois que eu mostrar as atrações turísticas que tem por lá (hum…Caribe!), vai todo mundo querer me visitar, heim?

Bem, vamos começar pelo País.

Como podemos ver no mapa ao lado, a Colômbia é o único país da America Latina com costas sobre os oceanos Atlântico e Pacífico. O regime de estações é bimodal e em quase todo o território se apresentam dois períodos de chuva — de Abril a Junho e de Agosto a Novembro— e dois de Verão. Apesar de estar ali do ladinho do Equador, seu clima está determinado pelos ventos alísios, pela umidade e pela altitude sobre o nível do mar. Dessa forma, cidades como Bogotá, onde vou morar, são mais frias por causa da altitude.

Quando eu estive em Bogotá no Carnaval, pude perceber que o clima é mais ou menos assim…de manhã é bem frio, dá uns nove, dez graus. Depois esquenta durante o dia, na hora do almoço fica bom, dá uns 24. E depois das 15h vai esfriando e de noite dá uns 9 ou 8 graus. Eu não peguei chuva, mas meu marido, que está lá há mais tempo disse que é bem chuvoso. Tô preparando as galochas…

Bom, mas o que está me animando muito é o Caribe Colombiano! É por isso que o pessoal vai me visitar, aposto! Olha o que achei sobre o Caribe neste site aqui: “Perto de Cartagena emergem os arquipélagos do Rosário e San Bernardo, paraísos de coral com pequenas ilhas cheias de mangues. A uns 700 km da costa, o arquipélago de San Andrés e Providência, com ilhas em formação e bancos de areias dispersos ao longo de 500 km, forma um oásis de vida no meio do mar. Cartagena de Índias é uma das cidades mais belas e conservadas da América. Perto da cidade amuralhada se encontra um moderno setor turístico, Bocagrande, com amplas praias, hotéis, restaurantes e discotecas. As melhores praias na área de Cartagena se encontram nas ilhas do Rosário, Barú e San Bernardo.”

Tentador não? Assim que der vou lá conhecer e conto para vocês se é bom! Olha as fotos, que coisa linda!

Alem de Cartagena, tem outras ilhas do Caribe muito legais para conhecer, como Choco, Ilha da Providência, San Andrés (foto abaixo), Santa Marta e outras que vou descobrindo e contando para vocês.

Se você já está empolgado para vir conhecer o Caribe Colombiano, vai se empolgar mais com os preços…os pacotes são bem atraentes. Achei alguns aqui no site da CVC e do Submarino Viagens, para para ficar 6 dias por R$ 2.300 (por pessoa com passagem aérea). Aliás, estou adorando os preços também das passagens aéreas de Bogotá para os EUA! Cerca de um terço do preço de SP-Eua. Mickey que me aguarde….

Bom…e o que mais tem a Colômbia além do Caribe? Tem montanha, muita montanha! Os Andes! Do site oficial de turismo da Colômbia: “A cordilheira dos Andes, a mais comprida do mundo, entra pelo Sul do país, no Nudo de los Pastos, onde se divide em duas. No Maciço Colombiano, a principal estrela hidrográfica do país, separa-se em três eixos montanhosos que atravessam de Sul a Norte o território colombiano e gera uma topografia quebrada, com cumes que ultrapassam os 5.300 metros sobre o nível do mar, extensos planaltos, profundos cânions e amplos vales. Estas três cordilheiras coroadas de neves perpétuas, páramos úmidos, bosques andinos, zonas áridas e regiões pantanosas, geram uma grande variedade de faixas térmicas e solos férteis que produzem uma imensa variedade de alimentos. Nesta região se concentra a maior parte da população do país.”

Abaixo, foto de Bogotá com a Cordilheira dos Andes ao fundo:

La tem também selva, na costa Pacífica, uma das regiões mais úmidas do planeta. Tem também floresta Amazônica. Um dos maiores potenciais do país é sua biodiversidade. “A Colômbia ocupa o segundo lugar no mundo depois do Brasil, com apenas uma quarta parte de seu território. Isso lhe permitirá no futuro um grande desenvolvimento nos campos da medicina e da produção de alimentos.”

Bom, falamos dos aspectos geográficos….vamos ao que já sei dos aspectos culturais: é um país famoso pelo seu café, flores (as lindas rosas colombianas…) e as frutas tropicais (fui num hortifruti lá e fiquei chocada com a variedade, tamanhos, cores…sao frutas lindas mesmo!).

Por toda Colômbia há povoados e cidades que recordam a importância das fundações do período colonial. Em diversos lugares ainda está vivo o testemunho do seu passado indígena. O país preserva muito sua história, a arquitetura e a cultura. Para saber mais sobre a história da Colômbia e também sobre a cultura, atrativos, turismo, etc., clique aqui.

E o mais importante….as pessoas! A hospitalidade é latina, muito parecida com o Brasil. Mas, achei eles mais educados e corteses. Sao muito parecidos com os brasileiros, um povo mesclado, misturados como nós. A Colômbia tem a terceira maior população na América do Sul (60% mestiça, 20% de ascendência européia, 5% afrocolombianos, 13,5% mistura de africanos e indígenas e 1,5% indígenas puros).

Ah…uma curiosidade que achei beeem legal: a participação da mulher é das mais importantes da América Latina. A lei estipula que pelo menos 30% dos cargos no setor público devem ser desempenhados por mulheres. Outra informação super bacana sobre a Colômbia: sua taxa de alfabetismo supera 92%.

Como boa garota metropolitana que sou…vou morar na capital, Bogotá. Vai ser um choque mudar de uma cidade com 25 milhões de habitantes para uma de sete. Mas vai ser um choque bom. Estou um pouco cansada do trânsito e do stress de Sampa. Como toda megalópole, Bogotá tem todos os serviços e infra estrutura que as grandes cidades oferecem. Já descobri várias coisas sobre a cidade e que vou contar para vocês neste outro post. Inclusive sobre o trânsito caótico de lá!

Nos próximos três anos, vou poder explorar e conhecer cada cantinho de Bogotá e da Colômbia, e o que eu achar de mais bacana por lá vou contar para vocês aqui, no Dica Bacana, combinado?? Se quiser conferir impressões de brasileiros que já moram lá, o órgão oficial de turismo da Colômbia reuniu estrangeiros (entre eles brasileiros como a Anny, Leandra e Mikaelly) para contar suas experiências no País. Confiram aqui.

E aí, deu para perder o medo? Acho que as Farcs são coisa do passado e a Colômbia tem muito a oferecer. Tanto que agora o slogan do país é: “Colômbia, o único perigo é você querer ficar”. Será, gente? Hummmm…vamos ver! Colômbia, aí vamos nós!!

Crédito das fotos: www.colombia.travel

About these ads

Um comentário sobre “Quem tem medo da Colômbia?

  1. Pingback: Dica Bacana

Comente esta Dica Bacana!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s